como estimular a criatividade

Descubra como estimular a criatividade dos seus filhos

Saber como estimular a criatividade dos filhos é importante e pode ser muito divertido. Apesar de a tecnologia ser uma boa ferramenta para ter várias atividades diferentes, é interessante manter momentos prazerosos em família que não dependam de aparelhos eletrônicos.

Dessa forma, é possível ajudar na construção das habilidades dos jovens e trabalhar juntamente à escola. Também é uma forma de estreitar os vínculos com os filhos e conhecer mais sobre eles.

A dica é deixar que momentos como esse aconteçam de modo espontâneo, e não sobrecarregar a criança com muitos estímulos, especialmente a respeito do uso de recursos digitais. O importante, caso o objetivo seja desenvolver a criatividade, é deixar a imaginação fluir, ainda que as atividades tomem rumos diferentes do planejamento inicial.

Para ajudar nessa tarefa, separamos algumas dicas e ideias que podem ser adotadas em casa. Continue a leitura e confira.

Qual é a importância da criatividade?

A criatividade ajuda a encontrar soluções eficientes para os problemas, desenvolver habilidades e estimular a autoconfiança das crianças. Ademais, o pensamento criativo contribui para o aprendizado escolar e socioemocional.

Ao contrário do que algumas pessoas acreditam, não se trata de um talento inato, mas de algo a ser aprendido. Por isso, é fundamental que existam estímulos, preferencialmente desde a infância, com carinho e respeito ao tempo individual.

As crianças já são curiosas e imaginativas por natureza, portanto, cabe aos adultos oferecer as condições para deixar fluir esse poder de criação, visando um desenvolvimento integral das potencialidades.

Como estimular a criatividade nos filhos?

Algumas atividades e medidas em casa ajudam muito a favorecer a criatividade, além de trazerem ótimas experiências com os filhos. Veja algumas dicas.

Explore as cores e texturas

As cores e texturas fazem parte da rotina da família e podem ser exploradas a fim de melhorar a criatividade. Uma boa alternativa é estimular a criança a usar as cores e os desenhos para se expressar. Fazer combinações é ótimo para conhecer os tons e suas características. Nesses casos, é mais interessante focar no uso do que em acertar os nomes.

As texturas também são ideais para perceber sensações, favorecendo o desenvolvimento. É por meio dessas experimentações que as crianças descobrem o mundo e começam a expandir sua imaginação. Por isso, mostre materiais diferentes, que sejam macios, ásperos, duros, fluidos etc.

Aproveite as situações cotidianas

Os elementos que fazem parte da rotina da família também podem ser usados nas atividades com os jovens. Aprender a redescobrir o que é cotidiano é uma forma de trazer a criatividade para casa, por isso, é importante envolver os filhos nas tarefas domésticas.

Um bom exemplo é o momento de cozinhar incluindo a participação dos filhos — com atividades adequadas à idade. Essa prática, além de ajudar a desenvolver o senso de colaboração e melhorar a autonomia, estimula a criatividade, pois eles descobrem que os alimentos são ricos em possibilidades e as combinações podem ter resultados incríveis.

Deixe que as crianças brinquem e se sujem

Quando a criança brinca livremente e explora o mundo, é comum que se suje. Isso faz parte do seu aprendizado, em especial quando se trata do contato com a natureza. Assim, práticas como rolar na grama e abraçar árvores são muito benéficas para o desenvolvimento.

Porém, é importante ter cuidado com substâncias que possam ser tóxicas, a fim de evitar irritações ou a ingestão. As tintas e massinhas, por exemplo, precisam ser adequadas à faixa etária, e os responsáveis devem observar a composição.

Incentive brincadeiras de faz de conta

As brincadeiras de faz de conta são essenciais para o desenvolvimento infantil. Nelas, as crianças testam as experiências e criam situações livremente. Dessa forma, aprendem mais sobre as interações e a solução de problemas, além de expandirem a imaginação.

Para incentivar essas brincadeiras, a dica é oferecer alguns elementos, como fantasias, brinquedos e “bugigangas”. Materiais que a família não usa mais — que sejam seguros — podem ganhar novos sentidos nas brincadeiras das crianças. É importante também não interferir, mesmo quando a criação não parecer ter muito sentido.

Permita atividades livres

Para encontrar as melhores alternativas de como estimular a criatividade dos filhos, é necessário conciliar atividades com a participação e o auxílio da família e outras que a criança cria sozinha. Esses momentos são fundamentais para o aprendizado.

Assim, ajudam na construção da autonomia e da imaginação, além de fortalecer a relação de respeito com o adulto, que pode ou não ser convidado a participar. A interferência é necessária apenas em situações potencialmente perigosas. Dessa forma, reserve algum tempo para o seu filho determinar as regras da atividade.

Proponha sempre algo inédito

Experiências diferentes tendem a ficar guardadas na memória, sobretudo na infância. Conhecer outros lugares e culturas ajuda a perceber o mundo de maneira mais ampla e estimula a curiosidade.

Além disso, a novidade pode fazer parte da rotina, com coisas bem simples: experimentar uma comida diferente, testar uma brincadeira nova, propor uma atividade que nunca fizeram. Essas são maneiras de apresentar elementos inéditos à criança.

Sugira desafios

Situações desafiadoras ajudam muito a desenvolver a criatividade. Elas instigam o raciocínio lógico e crítico, o que contribui para a solução de problemas. Apesar disso, esses momentos não precisam acontecer de maneira rígida — é possível oferecer estímulos com amor e acolhimento.

Portanto, a família pode apostar em jogos de raciocínio, além de brincadeiras e brinquedos que tenham essa função. São recursos para aprender por meio da diversão e da ludicidade. No cotidiano, é importante deixar a criança buscar soluções, sem tomar a frente em coisas que ela consegue resolver por si.

Viu como estimular a criatividade em casa é possível? A partir da inclusão de algumas atividades na rotina, a família contribui muito para o fortalecimento dessa habilidade que é tão importante para o desenvolvimento infantil e tem reflexos em toda a sua vida. Um trabalho em parceria com a escola é necessário, visando a resultados ainda melhores.

Se você quer receber mais dicas sobre educação e formas de melhorar as relações familiares com os filhos, assine a nossa newsletter e receba as novidades diretamente em seu e-mail.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.