O cotidiano familiar muda bastante quando os filhos estão em casa, não é verdade? Agora, com as aulas suspensas devido à pandemia do Covid-19, o novo coronavírus, os pais enfrentam um desafio e tanto: precisam buscar formas de entreter os jovens dentro de seus lares. Haja criatividade!

Sabemos que a agitação dessa meninada parece tornar a missão impossível. Por esse motivo, preparamos um conteúdo especial com cinco dicas de atividades para tornar esse período muito mais divertido para toda a família. Veja, a seguir, o que fazer para entreter os filhos sem sair de casa!

Boa leitura!

1. Invista em jogos de tabuleiros

Os jogos de tabuleiros, ou board games, são perfeitos para entreter os filhos em casa, sabia? E são uma ótima pedida para quem deseja tirar a garotada da frente do computador ou deixá-los um pouco longe do celular.

A boa notícia é que eles oferecem muito mais que diversão, pois trazem uma série de benefícios para jovens e também adultos. Dentre eles, destacamos o estímulo à criatividade e à imaginação, a capacidade de resolução de problemas e o desenvolvimento do raciocínio lógico, cognitivo e social das crianças. 

Saiba que atualmente existem diversos títulos no mercado, para todos os gostos e para toda família, e que vão muito além daqueles tradicionais jogos, como Detetive, Banco Imobiliário ou Jogo da Vida.

Confira abaixo algumas opções para curtir com toda a família:

  • Dixit;
  • Ticket to Ride;
  • Takenoko;
  • Ubongo;
  • A Ilha Proibida;
  • Five Tribes;
  • 7 Wonders;
  • Catan.

2. Incentive as atividades manuais

As atividades manuais também trazem muitos benefícios para a criançada! Elas melhoram a coordenação motora, estimulam a concentração e a criatividade, despertam a curiosidade, ensinam sobre paciência, entre outras vantagens.

Os materiais recicláveis, como as garrafas pet, rolinhos de papel higiênico e outras embalagens, podem se transformar em bonecos, carros, prédios ou até itens de decoração. Basta juntar cola, tesoura, fita crepe, tintas etc. e deixar a imaginação fluir!

É possível, ainda, utilizar papel machê ou argila para fazer esculturas máscaras, por exemplo. Para os mais velhos, os origamis vão proporcionar momentos de diversão e desafios. Para os mais novos, a pintura e o desenho livre vão entreter e deixá-los ocupados por bastante tempo.

3. Aposte em atividades dinâmicas para gastar energia

Gostamos da ideia das atividades dinâmicas porque elas exigem que a garotada se mexa e esteja em movimento gastando energia. Isso é ótimo porque, durante esse tempo em casa, é natural que seus filhos, e até você, estejam um pouco mais sedentários. Então, para driblar a ociosidade, a bagunça será inevitável, mas garantimos que será por uma excelente causa.

Dá para fazer patinação de meia, pular corda, brincar de esconde-esconde ou ainda apostar no jogo da amarelinha, também conhecida como pular macaco, maré, academia ou sapata. A lista de atividades não para por aí, não: dá para armar uma caça ao tesouro, piquenique, fazer um acampamento na sala e brincar de mímica, estátua e detetive.

E se a criatividade falhar, pergunte a seus filhos quais atividades eles gostariam de fazer. Eles com certeza terão ideias maravilhosas. A regra, no entanto, deve ser apenas uma: se mexer!

4. Faça a hora do cinema

Com filhos em casa, nada mais gostoso do que reunir toda a família para uma sessão de filmes. Essa é uma oportunidade de estreitar laços com a garotada e ainda garantir bons momentos e muita risada.

Sugerimos que a criançada participe da escolha do que a família assistirá e, claro, que os pais estejam atentos à classificação etária do filme. Esse cuidado é importante, pois nem sempre os filmes com classificação livre são realmente bacanas para eles.

De qualquer forma, prepare a pipoca e acompanhe, a seguir, alguns títulos que recomendamos assistir com os filhos em casa:

  • A viagem de Chihiro;
  • Alice no País das Maravilhas;
  • As Crônicas de Nárnia: O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa;
  • A Bússola de Ouro;
  • As aventuras de Pi;
  • Bernardo e Bianca;
  • Divertida Mente;
  • Detona Ralph; 
  • Matilda;
  • Como Treinar o Seu Dragão;
  • Valente;
  • Moana – Um Mar de Aventuras.

Outra opção interessante é apostar em documentários, afinal de contas, eles têm a função de entreter e ensinar. Confira alguns títulos interessantes:

  • Cowspiracy: O Segredo da Sustentabilidade;
  • Humano – Uma Viagem pela Vida;
  • A História de Deus com Morgan Freeman;
  • Apocalipse: a Segunda Guerra Mundial;
  • A Queda – As Últimas Horas de Hitler;
  • Nosso Planeta;
  • Women at War.

5. Peça ajuda com as tarefas da casa

Por fim, acreditamos ser importante incluir os filhos nas tarefas diárias da casa. Depois de tanta bagunça, é importante que ajudem nos afazeres domésticos e que compreendam a importância de manter o lar arrumado, limpo e organizado. É possível fazer isso brincando, de uma forma leve e simples, viu?

Comece pedindo para guardarem os brinquedos, arrumarem o quarto ou lavarem seus pratos após as refeições. Inclua a criançada também na preparação do almoço, jantar e sobremesas. Prepare receitas mais simples e coloridas com os mais novos e faça pratos mais rebuscados com os mais velhos.

Com isso, você estimula o gosto pela culinária e pela curiosidade de novos sabores e ainda ensina sobre cuidado, higiene e autonomia. Além de tudo isso, essa é mais uma atividade que ensina paciência para eles. Afinal, cozinhar requer isso da gente, não é verdade? É preciso organizar o que será utilizado, dosar ingredientes com cuidado, atentar ao passo a passo das receitas e aguardar a preparação da refeição.

Essas foram as nossas dicas de atividades para fazer com os filhos em casa! Viu como não é preciso de muito para divertir a garotada? Agora que você já sabe como entretê-los durante a quarentena, lembre-se de estabelecer um diálogo honesto sobre o momento que vivemos. Esclareça dúvidas, fale sobre cuidados necessários e aproveite o período para se aproximar ainda mais de seus filhos.

O que acha de acompanhar outras dicas relevantes como esta? Siga as nossas páginas nas redes sociais e veja os conteúdos que compartilhamos! Unidade Funcionários: Facebook, Instagram e Youtube. Unidade Anchieta: Facebook, Instagram e Youtube.