O isolamento social necessário para a prevenção da disseminação do novo coronavírus trouxe muitas mudanças na rotina, especialmente para quem tem filhos pequenos em casa. Uma forma de manter o período de quarentena mais produtivo e agradável é apostar em livros digitais para crianças.

Ainda que algumas escolas estejam conseguindo manter as suas atividades, é interessante usar esse tempo para aproximar a família e garantir momentos de qualidade com os filhos. Uma boa relação ajuda a minimizar os impactos negativos do isolamento, como a ansiedade por não poder sair de casa, a saudade da vida que se levava antes e a adaptação longe da escola.

Muitas iniciativas facilitaram o acesso a livros digitais, que podem ajudar bastante durante esse período. Conheça 5 opções de livros e sites que disponibilizam histórias para as crianças e os benefícios da leitura em família.

5 livros digitais para ler com as crianças na quarentena

Confira 5 livros digitais gratuitos que podem ser lidos para ou com as crianças e garantir bons momentos em família.

1. Super-Protetores

O projeto “Kidsbook — eu leio para uma criança”, do Itaú, traz opções de livros interessantes e que são muito necessários no momento atual. Dentre os assuntos mais falados do momento está o papel de trabalhadores essenciais, especialmente aqueles que atuam na área da saúde.

Assim, o livro “Super-Protetores“, escrito por Jessé Andarilho e ilustrado por Ivy Nunes, foi feito e homenagem a todos os profissionais da saúde, que se dedicam a salvar vidas durante a pandemia da COVID-19. É uma forma muito delicada e adequada para os pequenos de explicar sobre essa fase que interfere tanto em suas vidas.

2. O relógio que perdeu a hora

A Amazon conta com a sua plataforma Kindle, que oferece vários títulos para leitura gratuita. Uma ótima alternativa é “O relógio que perdeu a hora“, de Flávio Colombini. Também é uma leitura pertinente, por conta das novas percepções a respeito do tempo.

É uma obra em poesia, com muitas rimas e uma proposta leve e divertida, que promete atrair bastante as crianças, além de gerar curiosidade e reflexão. Esse livro pode trazer uma boa experiência para toda a família.

3. A Borboleta Azul

O portal Pedagogia ao Pé da Letra também disponibilizou opções de livros digitais para crianças, que ajudam professores a ampliarem o seu repertório de atividades e também é ótimo para as famílias preencherem os dias de isolamento social.

Um exemplo é o livro “A Borboleta Azul“, de Lenira Almeida Heck, que propõe um olhar mais sensível sobre a natureza. Conta toda a história de uma borboleta que viaja para conhecer o mundo, mas tem a sua vida transformada quando conhece os humanos.

4. Eloísa e os bichos

A editora Pulo do Gato disponibilizou alguns de seus livros gratuitamente para as famílias. Uma boa alternativa é “Eloísa e os bichos“, de Jaiori Buitrago e Rafael Yockteng. Ele aborda temas sociais importantes como a tolerância e o respeito à diversidade.

O livro conta a história da menina Eloísa, que se muda com seu pai para uma cidade nova e tem dificuldade com a adaptação. Aborda o desenvolvimento socioemocional, pois a jovem se sente deslocada e gradualmente aprende a lidar com essa vida diferente.

5. O álbum de Irina

A ONG Laboratório de Educação conta com uma ótima página para pais e filhos, com muitos materiais educativos. Ela oferece a plataforma Espaço Leitura, que não apenas disponibiliza os livros digitais, mas também apresenta propostas de atividades para aprofundamento, jogos e a opção de ouvir a história.

Uma sugestão é o livro “O álbum de Irina“, escrito por Núria Ribeira, que é muito bom para famílias que acabaram ou estão prestes a receber um segundo filho. Na história, Irina se prepara para receber o seu novo irmãozinho e se depara com muitas emoções e recordações.

Benefícios de ler para as crianças

A leitura é uma excelente maneira de compreender o mundo. Como vimos, as histórias podem abordar diversos temas e, por meio da fantasia, ajudar as crianças a organizarem as próprias emoções. Além disso, é uma excelente maneira de melhorar o aprendizado escolar e desenvolver a criatividade.

Durante os primeiros anos de vida, se desenvolve o intelecto e as habilidades de raciocínio. A leitura pode contribuir muito com isso, pois traz mais conhecimento de mundo, aprimora o senso crítico, melhora a comunicação e ajuda a ampliar o vocabulário.

A participação da família e o exemplo são muito importantes para se adquirir o hábito e o gosto pelos livros, o que é melhora a formação do jovem e traz muitos benefícios para a vida adulta. Veja, a seguir, algumas dicas para tornar esse momento ainda melhor.

Dicas para o momento da leitura

Quando a atividade acontece em família, as relações melhoram e se estreita o vínculo entre pais e filhos. Contudo, isso precisa ser feito de maneira natural e sem cobranças. Para desenvolver o gosto pela leitura, é importante que ela não seja associada a algo chato, portanto, tente despertar a curiosidade do jovem, em vez de forçá-lo a ler.

A adequação do livro para a idade também é essencial. Isso interfere na capacidade de compreensão e também no interesse. Os livros interativos ou a associação com músicas, brincadeiras, jogos e outros elementos podem ajudar a tornar esse momento mais lúdico, divertido e educativo.

Se a leitura se tornar uma rotina para a família, a tendência é que ela fique cada vez melhor. Com o tempo é possível perceber quais são os temas que mais chamam a atenção e também se cria uma expectativa por aquele momento, o que é ótimo para a intimidade e a conexão familiar.

Como vimos, existem ótimas opções de livros digitais para crianças que podem ser exploradas durante e depois da quarentena. Isso é importante para que a família consiga preservar a saúde, sem deixar de lado os bons momentos, o aprendizado e a proximidade.

Gostou das dicas? Então curta a nossa página no Facebook e não perca nenhum de nossos conteúdos.

Powered by Rock Convert